Academiæ

"Me disseram que pensar era ingênuo, e daí? Nossa geração não quer pensar. Pois que pense, a que há de vir."

Cine PSOL #2

O Cine PSOl realizará mais uma sessão pública de exibição e debate. Desta vez com o filme A Revolução Dos Bichos. O local será na praça da prefeitura de Bela Cruz, às 18hs de Domingo (17/07/2011).

Baseado na obra Animal Farm de George Orwell.

ENREDO DO FILME:
Sentindo chegar sua hora, Major, um velho porco, reúne os animais da fazenda para compartilhar de um sonho: serem governados por eles próprios, os animais, sem a submissão e exploração do homem. Ensinou-lhes uma antiga canção, Animais da Inglaterra (Beasts of England), que resume a filosofia do Animalismo, exaltando a igualdade entre eles e os tempos prósperos que estavam por vir, deixando os demais animais extasiados com as possibilidades.
A Obra:
O filme é uma clara sátira à vários contexto sociais da época, sobre tudo na Europa. A trama é baseada no livro de mesmo nome, Animal Farm (A Revolução dos Bichos (título no Brasil) ou O Porco Triunfante/​O Triunfo dos Porcos/​A Quinta dos Ani­mais (título em Portugal)) é um romance alegórico do escritor inglês George Orwell, apontado pela revista americana Time entre os cem melhores da língua inglesa. A sátira feita pelo livro à União Soviética comunista obteve o 31º lugar na lista dos melhores romances do século XX organizada pela Modern Library List.

O livro narra uma história de corrupção e traição e recorre a figuras de animais para retratar as fraquezas humanas e demolir o “paraíso comunista” proposto pela Rússia na época de Stalin. A revolta dos animais da Manor Farm contra os humanos é liderada pelos porcos Snowball (Bola-de-Neve) e Napoleon (Napoleão). Os animais tentam criar uma sociedade utópica, porém Napoleon é seduzido pelo poder, afasta Snowball e estabelece uma ditadura tão corrupta quanto a sociedade de humanos.

Para o autor, um social-democratae membro do Partido Trabalhista Independente por muitos anos, a obra é uma sátira à política stalinista que, segundo sua ótica, teria traído os princípios da revolução russa de 1917.

NOTA: Novamente, como no post anterior sobre o Cine PSOL, quero deixar claro quê o que estou postando aqui é a ideia! Não estou interessado em engrandecer nenhum partido, religião ou time. Não gosto de me repetir, mas tomando uso das palavras que disse quando compareci ao mesmo evento com a exibição do filme A Fuga das Galinhas:

“Não sou membro do partido, mas gostaria de parabenizá-los pela iniciativa de instigar as pessoas comuns a debates. Fico muito feliz em ver uma ideia que use a Ágora para a reflexão de problemas, mais uma vez parabéns a todos do partido, é uma pena que não possa ter havido o debate, mas podem contar com minha presença na próxima sessão. Valeu Markinhus pelo convite, ‘brigado aí!”

Navegação de Post Único

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: